Em foco

Apple confirma que parte do código fonte do iOS foi divulgado

Empresa garante que os utilizadores de aparelhos com as versões mais recentes do sistema operativo móvel não correm riscos de segurança.

Data: 12.02.2018

Apple confirma que parte do código fonte do iOS foi divulgado

A Apple confirmou esta sexta-feira que parte do código fonte do sistema operativo móvel iOS foi divulgado indevidamente. O código de arranque do iOS – conhecido como iBoot – apareceu durante parte desta semana no site de partilha de código Github, antes de ser removido a pedido da empresa.


"Parte de um código com três anos foi divulgado, mas, por defeito, a segurança dos nosso produtos não depende do sigilo do nosso código fonte”, afirmou a empresa californiana num comunicado, citado pelo site TechCrunch. “Há muitas camadas de protecção de software e hardware nos nossos produtos, e recomendamos sempre aos nossos consumidores que actualizem os seus dispositivos para usufruírem da protecção mais recente”.


A Apple confirmou ao TechCrunch que o código parece ser real, mas que é de software antigo – usado no sistema operativo iOS9 e anteriores. De acordo com os dados da marca, 93% dos seus utilizadores usam o iOS10 ou 11. Esses dispositivos podem já não usar o código que foi agora divulgado.


A Apple costuma manter os seus códigos-fonte em sigilo. No site onde o iBoot foi divulgado haveria, alegadamente, uma menção à confidencialidade do documento: “Este documento é propriedade da Apple Inc. e é considerado confidencial e exclusivo”.


O perito em ciber-segurança, professor Alan Woodward, da Universidade de Surrey, na Grã-Bretanha, disse à BBC que a divulgação do código era “extraordinária”. “O código-fonte de um sistema operativo de uma empresa é como a joia da coroa – está muito bem guardado”, afirmou o especialista. Acrescenta, no entanto, que a Apple devia ficar preocupada: "Se alguém teve acesso a isso, o que mais poderá ter?"


Fonte: Público



Voltar